Segunda-feira, 29.05.17

Um grupo de trabalhadores de diversos departamentos da Câmara de Loures está há mais de dois anos em guerra aberta com vários vereadores do município.

Os funcionários – que por medo de represálias pedem anonimato – alegam que são vítimas de violência verbal e psicológica no trabalho e acusam os seus responsáveis diretos de ameaças de esvaziamento de funções de forma ilegal, sem qualquer aviso prévio.

Esta situação já levou, inclusivamente, ao internamento de alguns trabalhadores com stresse e ataques de ansiedade, após sofrerem pressões e “chantagens” na autarquia. Outros funcionários meteram baixas médicas, provam os documentos de entrada no Hospital Beatriz Ângelo.

Estas situações não normalmente regra geral em todas as câmaras do país umas mais outras menos.

No estado e no privado funciona da mesma forma.

Esta noticia está no site do PNR sitando o "I" que diz "uma câmara CDU, em que o Estalinismo e a perseguição nos faz lembrar a URSS e os sindicatos traidores colaboram nestas ilegalidades e neste clima de terror".

O PNR chama de estalinismo mas o PCP há muito que abandonou o stalinismo ou nunca o foi e agora é um dos partidos do sistema.

Como se sabe Staline foi um ditador soviético que limpou o c... ao nazis.

Mas o mais caricato disto tudo é um partido faz gala de ser salazarista mostra-se contra estas situações, quando Salazar foi um maiores ditadores do mundo e matou milhares de pessoas.

Quanto ao PCP em casa de ferreiro espeto de pau.

 



publicado por uon às 17:09 | link do post

(memória libertária) O anarquismo e o anarcosindicalismo foram o fermento do Portugal operário e revolucionário que ainda resiste. António José Piloto (1886 - 1967) , militante e activista da Associação de Classe das Oficinas Gerais do Barreiro é aqui recordado.

http://www.vinculadosaobarreiro.com/43AntoniojosePiloto/main_43.html



publicado por uon às 15:30 | link do post

Sexta-feira, 26.05.17

Esta greve da função pública é mais para marcar a diferença entre partidos da geringonça com vista as próximas eleições autárquicas do que para defender os trabalhadores do estado que tem imensos problemas.
Os trabalhadores do estado não são aumentados a 8 anos e o custo de vida embora não tenha aumentado muito mas tem impacto nas famílias de mais baixos rendimentos do trabalho.
Também não se percebe que este governo venha apregoar que isto está no bom caminho e depois não se vê nada de benefícios salariais.
Há milhares trabalhadores a ganhar o SMN no estado.
O SMN qualquer dia ultrapassa os salários da frente.
Como é evidente os trabalhadores são os joguete dos sindicatos e dos partidos infelizmente por que os mesmos são controlados pelos partidos.
Depois vem dizer que as pessoas não votam que não participam mas os responsáveis são os políticos que fazem tudo ao contrario do que dizem.
Se bem que alguns políticos já começaram a perceber que é preciso inverter a marcha que não podem fazer promessas para ganhar votos e depois fazer o seu contrario.
As greves tem principal impacto nos hospitais e na educação.
Se fecha uma escola e não há consultas nos hospitais há protestos por que os pais não tem onde deixar as crianças e os doentes com consulta ou operações marcadas são adiadas.



publicado por uon às 16:39 | link do post

Terça-feira, 23.05.17

Mais um atentado do DAESH desta feita em Manchester em concerto rock.

Desta vez nem crianças escaparam é tudo a eito.

O Ocidente( CEE/USA/NATO) criou os terroristas do DAESH agora vamos levar com eles.

Ainda agora o Tramp foi a Arábia Saudita vender armas no valor de muitos milhões.

Algumas destas armas podem cair nas mãos do DAESH.

A Arábia saudita é um fornecedor de armas e logística dos terroristas do DAESH.

Enquanto a Europa/USA não mudar de paradigma político e apoiar os terroristas e países que fomentam o terrorismo ele vai sobreviver e estamos sujeitos a ser atacados como os ingleses franceses alemães, etc.

Quanto a Portugal se não sair da Nato que é uma organização terrorista legalizada que ataca outros povos estão sujeitos a sofrer atentados.

Portugal tem uma relação com a CEE que é oportunista de receber fundos mas os países do Norte estão abrir os olhos e qualquer dia fecham a torneira é uma questão de tempo.



publicado por uon às 14:32 | link do post

Segunda-feira, 22.05.17

Agora, anarcossindicalismo!!!

Realizou-se em Frankfurt, Alemanha, uma conferência, no passado fim-de-semana para preparar as linhas de trabalho, de uma nova Associação Internacional dos sindicatos anarcosindicalistas e revolucionários. Esta foi a terceira reunião deste tipo.

Na reunião, decidiu-se realizar um congresso constituinte dentro de um ano. Este prazo é necessário para facilitar os processos de tomada de decisões a nível de base dos sindicatos envolvidos.

Nos próximos meses, todos os membros individuais dos sindicatos terão a oportunidade de fazer propostas sobre a composição do internacional.

A conferência contou com os sindicatos cnt (Espanha), usi (Itália), esse (Grécia), IP (Polônia) E FAU (Alemanha), aqueles que se comprometeram a participar neste projecto.

Participaram, na qualidade de observadores, a CNT-F (França) e a iw para os países europeus de língua inglesa e alemã.

A Conferência também juntaram-se através de um vídeo chat de rocinante (Grécia), iw (usa) e fora (Argentina).

A metáfora, também comprometeu-se a aderir ao projeto. As discussões estimulantes e um ambiente de trabalho produtivo significaram que os assuntos controversos foram tratados que tinham evitado que estes sindicatos se unirem no passado.
Mesmo que ainda há muito a fazer antes do primeiro congresso, ficou claro na conferência que os sindicatos já estão proporcionando solidariedade e ajuda mútua, bem como a cooperar em seu trabalho sindical.

Por exemplo, a ajuda mútua em forma de ajuda às vítimas do terremoto na Itália, a solidariedade em forma de Acção directa em apoio à luta da cnt contra a Ford e a cooperação sindical, na forma de uma campanha internacional para os trabalhadores da Entrega.

O fato de que muitos dos princípios básicos do "Sindicalismo" já se concretizem através das fronteiras nacionais é um bom presságio para a nova internacional.

tradução do face

https://libcom.org/forums/news/now-anarchosyndicalism-meeting-frankfurt-19052017



publicado por uon às 16:56 | link do post

Sexta-feira, 19.05.17

MERDA

Foto de Ephemera.


publicado por uon às 16:37 | link do post


Grupo Parlamentar do Partido Comunista Português/Bloco de esquerda
http://www.pt.indymedia.org/conteudo/newswire/36371

A investigadora Maria de Lurdes, que continua detida, telefonou ao deputado José Manuel Coelho pedindo ajuda para que denunciasse ao país aquilo que estão a fazer com ela dentro da prisão, os seus carcereiros.

Estão constantemente a mudá-la de cela colocando-a propositadamente com as reclusas mais agressivas daquele estabelecimento prisional, onde é alvo de constantes agressões e maus tratos. As reclusas que a agridem têm as costas quentes dos guardas prisionais, que em vez de zelarem pela integridade física da reclusa Maria de Lurdes, ainda de uma forma masoquista incitam e incentivam as outras reclusas a praticarem agressões físicas e verbais com toda a sorte de impropérios à pobre mulher que se encontra ali sòzinha e totalmente desprotegida.

Maria de Lurdes telefonou ao deputado Coelho com o telefone da prisão implorando socorro e ajuda.

Mais informação sobre o caso aqui, aqui e aqui




publicado por uon às 13:54 | link do post

Quinta-feira, 18.05.17

Rita Rato diz "É preciso mais salário e menos horário" é com estas palavras respondeu ao PSD, numa declaração política no parlamento, acusando ainda o anterior Governo de fragilizar os trabalhadores.

Completamente de acordo com este argumento de baixar horário e aumentar os salários miseráveis que são praticados pelos patrões e pelo estado nalgumas camadas laboriosas dos trabalhadores.

Os patrões andam de porche  ferrari  mercedes ultimo modelo e se algum trabalhador lhe pede aumento dizem que "isto está mau".

Essa conversa fiada os trabalhadores andam a ouvir a anos.

Quanto ao estado a moda é a mesma não dão aumento à anos.

Tenha o PCP coragem de reivindicar 30 horas de trabalho por que as 35 passaram de moda.

 



publicado por uon às 17:07 | link do post

Quarta-feira, 17.05.17

 Professores da FENPROF têm em cima da mesa exigências relativas a quatro matérias: vinculação - onde se inclui a garantia de que serão abertos novos períodos extraordinários de entrada nos quadros de contratados e da criação do quadro de professores do Ensino Artístico -, descongelamento das carreiras, horários de trabalho e aposentações.

Como é evidente cada classe tem os seus problemas específicos e como tal devem lutar por eles.

Mas há um que é comum a todos os trabalhadores do estado, que é as aposentações aos 36 anos de serviço sem penalizações tal como no passado vigorou.

Mas é bastante sectário a Fenprof querer lutar a parte dos outros sindicatos e por reivindicações só para os professores.

Então e os outros trabalhadores da administração publica e local como é que ficam.

O governo não devia aceitar negociações em solitário de sindicatos de âmbito estatal.
Por que razão os professores médicos e enfermeiros, etc acha-se diferentes dos outros trabalhadores.

Aliás todos temos barriga.



publicado por uon às 14:31 | link do post

Terça-feira, 16.05.17

Segundo o INE existem em Portugal casas com falta de divisões habitáveis, sem casas de banho, apertadas e escuras são os problemas nas condições de vida que mais afetam famílias com crianças em risco de pobreza.

O INE calculou que o risco de pobreza aumentou para os idosos em 2015, situando-se nos 18,3%, mais 1,3 pontos percentuais que no ano anterior.

A taxa de risco de pobreza é calculada tendo em conta rendimentos abaixo do limiar de pobreza e indicadores de privação material, que indicam falta de bens ou de dinheiro.

Este é o retrato real de Portugal é um tanto ou quanto alarmista por parte do INE, mas não deixa de ser verdade.

Sabemos que existe bastante miséria em Portugal e arredores, mas este número é alarmista e os governos sucessivos vão adiando os problema para o governo seguinte.

Sabemos que existe reformas mínimas muito abaixo do SMN e o governo quer deixar tudo na mesma.

Se com o SMN já é difícil viver quanto mais com uma reforma abaixo do SMN.

o governo faz muita demagogia e vai governando assim.

 



publicado por uon às 13:58 | link do post

Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
20

21
24
25
27

28
30
31


posts recentes

Câmara de Loures. Funcion...

"O SUL E SUESTE" PUBLICAÇ...

A greve da FP e outras co...

Ocidente( CEE/USA/NATO) c...

Reunião para a nova inter...

"MERDA" GRUPO ANARCA AUTO...

Email enviado para Assemb...

É preciso mais salário e ...

FENPROF luta em solitário

O retrato alarmista do go...

arquivos

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Março 2006

favoritos

Letra da Internacional An...

4 Julho de 1937:Foto do a...

Cartaz

Luta anarquista a Norte

Feira do Livro anarquista

O anarquismo na história ...

A accão directa é...

Filme "Memória Subversiva...

Consultório laboral

Projecto de Estatutos da ...

links
desde 23/05/11
contador de visitas
compteur de visite
agora
blogs SAPO