Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Madeira:democracia musculada a dar os primeiros passos

30.03.20, uon
Governo da Madeira (PSD/CDS) proibiu a abertura de quiosques para venda de jornais. A coberto do coronavírus começam a haver despedimentos em massa nas empresas e agora o governo da Madeira proibiu a venda manual de jornais. Trata-se dum atentado ao direito a informação por parte do governo PSD/CDS aos madeirenses. Aos poucos o estado de emergência vai dando os primeiros passos a instauração dum regime musculado da democracia.

Que fazer quem trabalha em estado de emergência

26.03.20, uon
É se a policia vier ter com uma pessoa que vá trabalhar qual é a justificação que tem para que eles acreditem. É que os policias não acreditam. O que vai fazer a polícia. Prendem, multam ou dão uma carga de porrada no cidadão indefeso. É que eles andam sempre a ver onde podem pegar. Isto é o que se chama abuso de autoridade e depois não há nenhuma entidade que defenda o cidadão e muito pavão até apoia estas atitudes da autoridade por que eles estão cobertos com o estado (...)

Médicos do público vão ao privados fazer testes pessoais

25.03.20, uon
É uma questão de organização do SNS. Se por exemplo fazem mil testes/dia, uns 10% tem de ser para pessoal que trabalha directamente com os doentes infectado e internados nos hospitais. É uma roubalheira os privados levarem preços escandalosos para fazer um teste do vírus. O governo tem requisitar os hospitais privados para estes darem um contributo a população. https://www.jn.pt/nacional/medicos-do-publico-vao-ao-privado-fazer-testes-a-covid-19-11981022. (...)

FAZER UMA REVOLUÇÃO NO FUTEBOL

23.03.20, uon
FALTA FAZER UMA REVOLUÇÃO NO FUTEBOL A COMEÇAR PELOS CONTRATOS MILIONARIOS DOS JOGADORES. OS JOGADORES SÃO TRATADOS COMO REIS. O TRABALHADOR É TRATADO COMO UM ESCRAVO QUE PAGA TODAS AS CRISES. NÃO FAZ SENTIDO UM JOGADOR GANHAR TANTO DINHEIRO E UM TRABALHADOR QUE VAI AO FUTEBOL GANHAR TÃO POUCO. DESPORTO AMADOR. ACABAR COM O FUTEBOL PROFISSIONAL. https://www.dn.pt/desportos/presidente-da-fifa-fala-em-momento-de-reformar-o-futebol-e-avanca-com-algumas-ideias (...)

Vamos ter de começar de novo

23.03.20, uon
Quando isto passar o homem/mulher vai ter de começar de novo como se a vida tivesse começado agora. Temos um conjunto de respostas que nos vão ser muito úteis para não cometermos os mesmos erros do passado que arranjar lideres e patrões que representem os trabalhadores e os mesmos ser escravos dos de sempre.Só a autogestão pode melhorar a vida das pessoas. Os lucros ou prejuízos são distribuídos por todos equitativamente.

" O medo de ser livre provoca o orgulho de ser escravo"

19.03.20, uon
Falamos discutimos berramos e tudo foge ninguém quer saber.Ninguém percebe que é preciso outra vida, outra sociedade, outro sistema. Será que está tudo maluco ou somos nós que estamos enganados. Parece que não somos nós que estamos enganados. Aquela palavra nas paredes do antigamente adequa-se perfeitamente. " O medo de ser livre provoca o orgulho de ser escravo".  

Estado de emergência é inconstitucional?

19.03.20, uon
O estado de emergência foi pensado para tumultos, greves por questões sociais e laborais e politicas ou situações insurrecionais; tentativas de golpe de estado, etc. que possam por em causa o actual statos quo. Se calhar a declaração de estado emergencia é inconstitucional a luz da actual constituição. A assembleia vai ter de alterar a constituição da república portuguesa (CRP) e introduzir um artigo especifico para situações de pandemia e de saúde.

O QUE É QUE O GOVERNO ESTÁ A ESPERA DE TOMAR DECISÕES POLÍTICAS.

17.03.20, uon
OS POLÍTICOS NÃO SÃO CAPAZES DE TOMAR DECISÕES. AEROPORTO DE BEJA É UM CASO GRITANTE. UM AEROPORTO AS MOSCAS E O DA PORTELA A REBENTAR PELAS COSTURAS- SEGUNDO DIZEM. AGORA NÃO SÃO CAPAZES DE REQUISITAR OS HOSPITAIS PRIVADOS PARA TRATAR O CORONAVIRUS. O GOVERNO DA MADEIRA SUSPENDEU O PAGAMENTO DA ÁGUA LUZ E GÁS AOS MADEIRENSES. NA ITÁLIA SUSPENDEU OS PAGAMENTOS DAS CASAS, ETC. NÃO SEI O QUE É O GOVERNO ESTÁ A ESPERA DE TOMAR DECISÕES POLÍTICAS.