Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Função Pública:Estatuto disciplinar mais repressivo

02.04.08, uon
O novo Estatuto disciplinar é mais um instrumento que o governo quer adoptar para criar um clima de medo na Função Pública.
O governo não contente com o que Estatuto que estava, que até já previa a demissão de um trabalhador se cumprisse os itens seguinte: Faltas , zelo, abandono do lugar, correcção , etc.
Estes itens alguns davam despedimento, como era o caso de faltas 5 seguidas ou 10 interpoladas, se não zelasse pelo serviço, abandono do lugar e o único que podia não dar despedimento era a correcção " com superiores hierarquicos.
Agora o governo quer introduzir novas modalidades que permitem despedimento por justa causa.
Este novo estatuto vai arregimentar a Função Pública com normas que podem muito bem assemelhar-se com as forças de segurança e militaes.
Quer fazer dos funcionários públicos uns paus-mandados prontos para todo o serviço, bufos, bajuladores, mau-caracter.
Quem vai pagar a rifa será os utentes dos serviços, com pior atendimento e pior serviço e com menos serviços prestados à população.
Aos funcionários públicos tudo é imposto pelo governo aos trabalhadores, os sindicatos só servem para receber ordens e assinar o que o governo quer fazer, por que à uma política de imposição pela força da lei.