Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Morreu Roberto Freire

27.05.08, uon

retirado de a-infos

 

MLB DE LUTO PERDE O MILITANTE LIBERTÁRIO CRIADOR DA SOMATERAPIA

Faleceu na noite dessa sexta-feira, 23/05, no Hospital Sírio-Libanês em
São Paulo, o escritor, dramaturgo, antipsiquiatra e militante anarkista
Roberto Freire, aos 81 anos.

?Do amor pode-se fazer uma necropsia, nunca uma biópsia.
Se eu examiná-lo paro de amar.
O amor não é para ser entendido,
mas sentido, experimentado...? ? Roberto Freire (1927-2008)

Nascido em São Paulo em 1927, Roberto se formou em medicina, se
especializando em psiquiatria. Nos anos 50 e 60 tomou contato com os
escritos de W. Reich e dos teóricos da antipsiqiatria, a quem prontamente
aderiu. Assim desenvolveu sua linha terapêutica, baseada na harmonia entre
o corpo e a mente, a Somaterapia, ligada a sua filosofia do Tesão.
Desenvolveu suas teorias em livros como: ?Viva eu! Viva tu! Viva o Rabo do
Tatu!?, ?Ame e Dê Vexame!?, ou, ?Sem Tesão Não Há Solução?.

Além da intensa produção dentro de sua própria atividade profissional
Roberto atuou de forma intensa também na vida cultural do país, como
romancista, dramaturgo, cineasta, roteirista e jornalista. Entre seus
romances se destaca o best seller ?Cléo e Daniel?, lançado em 1966, onde
já se viam claramente os elementos de sua teoria do Soma.

Assumidamente anarkista, ainda que não ligado ao movimento histórico do
MLB, no quadro anterior a 2ª Guerra e a ditadura getulista, manteve uma
militância constante desde que se vinculou ao MLB. Tendo contribuído com
o jornal O INIMIGO DO REI, em sua última fase, e da construção das JLPs,
nos anos 80, e do Congresso Anarkista nos 100 anos do 1º de Maio, em 1986.
Foi um dos mais fervorosos entusiastas da fundação de uma Federação
Anarkista Brasileira, nem sempre bem compreendido em sua intenção. Mesmo
nós d?O COLETIVO LIBERTÁRIO nos opúnhamos a sua proposta nos anos 80! Na
verdade sua preocupação estava na infiltração de elementos oportunistas
dentro do Movimento Libertário Brasileiro (MLB), coisa que ele imaginava
que uma Federação de âmbito nacional, com uma imprensa nacional mantendo o
nível de discussão do MLB unificado.

Em sua última aparição em um encontro libertário, que se deu em Setembro
de 2000, no Seminário Internacional de Pedagogia Libertária, na
Universidade de Santa Catarina, ao defender mais uma vez a teses da
fundação de uma Federação Anarkista de âmbito nacional, em conjunto com o
pessoal do NUSOL e do SOMA, foi atacado de forma violenta e injusta por
setores interessados em fundar pseudo-federações estaduais, baseadas em
programas e disciplinas rígidas. Esse fato demonstrou a correção de sua
tese, já que setores infiltrados no MLB durante os anos 90, pela porta que
lhes abriu o traidor Morelli, estavam por trás dos ataques, até pessoais,
que ele sofreu ? chegando às raias da agressão física!

?Sempre fui um cara muito ativo,
muito criativo, viajante,
movido a paixão.
Agora,
na velhice, as doenças me imobilizam.
Hoje (...)
sou impotente para escrever,
que é o que mais gosto de fazer.? ? Roberto Freire (1927-2008)