Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Alenquer:empresa fecha por falta de pagamento

07.07.08, uon

Mais uma empresa que fecha por que o patrão não paga.

Para quem prometeu 150 mil empregos  nas eleições o  resultado e bem negativo.

Todos os dias fecham empresas, desta vez são mais 60 trabalhadores de uma empresa de produtos alimentares de Alenquer que vão para o desemprego por falta de pagamento desde Março e tinham gastos diários na ida para empresa.

O governo deve ter alguma responsabilidade no fecho destas empresas.

 

Lusa

Mais de 60 trabalhadoras de uma indústria transformadora de produtos alimentares de Alenquer vão hoje rescindir os contratos de trabalho depois de três meses e meio sem receberem salário, informaram algumas trabalhadoras e o sindicato do sector.

"Vamos rescindir o contrato de trabalho por justa causa já que a última vez que recebemos foi 300 euros em Março", disse hoje à Lusa uma trabalhadora da Indústria de Produtos Alimentares Viçosos que pediu o anonimato.

"Não podemos continuar nesta situação de estarmos a gastar dinheiro em gasóleo para vir trabalhar e depois não recebermos salário", explicou, por seu lado, a delegada sindical que também pediu para não ser citada.

As trabalhadoras afirmaram que a emprega chegou a empregar 78 pessoas, a maioria mulheres, com idades entre os 40 e os 50 anos e mais de 15 anos de trabalho na empresa.

O dirigente do Sintave, Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias da Alimentação, Bebidas e Tabacos de Portugal, Moisés Caetano, disse que o proprietário desmarcou uma reunião com o sindicato e que "os trabalhadores vão rescindir os contratos e apresentar os documentos para receberem subsídio de desemprego".

O sindicalista adiantou que está a decorrer o processo de insolvência tendo já sido nomeado um gestor judicial para avaliar a situação da empresa.

As trabalhadoras contaram ainda que desde Novembro do ano passado que começaram a ter salários em atraso e que a empresa foi financiada por fundos comunitários.

A Lusa contactou a direcção da empresa, situada em Pedra D' Ouro, no concelho de Alenquer, para tentar obter esclarecimentos mas o proprietário estava ausente.