Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Quénia:policia acusada de matar 300 pessoas

24.09.08, uon

(CM)

 

A Comissão de Direitos Humanos do Quénia acusou esta quarta-feira a Polícia local de ser responsável pela morte de pelo menos três centenas de pessoas durante o último ano.

Hassan Omar Hassan, vice-presidente da organização, assinalou ainda que foram também contabilizados 200 desaparecidos e detectados cadáveres que não puderam ser identificados.

“Temos provas suficientes, entre testemunhos e relatórios forenses, que implicam a Polícia nestas mortes”, afirmou o responsável, revelando que a organização é contactada diariamente por pessoas que se sentem ameaçadas por agentes das forças de segurança.

 

 

Comentário:

 

Para quem tem dúvidas a policia é sempre policia seja em Portugal, no Quénia, na China ou em qualquer outro pais.

O Estado através polícia está ao serviço das classe ricas e protege essa classe e seja em democracia ou em  ditadura ou noutra situação qualquer a actuação é sempre a mesma e vejam agora o caso do Quénia acusada de prender julgar e condenar à morte 300 pessoas.

Apesar de fardar meninos e apoiar velhinhos não deixa de matar quando "é preciso".