Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Neto avança para Belém

por uon, em 23.03.15

O socialista Henrique Neto, de 78 anos, é o primeiro nome a avançar para as presidenciais que se realizam no próximo ano.

Será o primeiro candidato a lançar-se para a cadeira de Belém.

Neto foi deputado do PS é um empresário da zona de Leiria critico de Sócrates e da sua governação.

Para Belém só entram candidatos em fim de vida, vejam os listados:

Carvalho da Silva

Sampaio da Nóvoa

Rui Rio

Guterres

Marcelo Rebelo de Sousa

Fernando Nobre

Belém Roseira

Marinho Pinto

Manuel Alegre

Santana Lopes

etc. etc

Um militante de um partido entra como presidente de Junta e pode chegar a Belém se tudo correr bem.

Todos fazem carreira politica.

Não aparece ninguém com 35 anos que é a idade para se candidatar a Belém segundo a constituição e que não seja bota de elástico.

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:52

CARTAZ

por uon, em 23.03.15

Imagem 076.tif

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:31

Greves? Não, obrigado! | Desde 8 de Novembro de 2013 que Portugal não assistia a uma greve geral subscrita pelas várias confederações e sindicatos da Função Pública. Este período de 16 meses de tréguas foi interrompido por estes dias. Escolas, hospitais, tribunais e repartições públicas constituem os serviços essenciais do Estado, pelo que é preciso assegurar o seu regular funcionamento sem interrupções. Desfiles de sindicatos e greves inconsequentes, apenas prejudicam os utentes e não trazem qualquer benefício para os trabalhadores.in PNR

 

As palavras acima são do PNR. Para eles as greves acabavam e os trabalhadores tornava-se escravos do patrão e do estado.

Claro está eles são os representantes do antigo regime caído em 25 de Abril de 1974 e como tal as greves, manifestações e falar mal  do sistema estava proibido pelo regime fascista de Salazar e Caetano.

Quando o patrão ou estado não salvaguarda os interesses dos trabalhadores ou os coloca em causa, os mesmo devem ter todo o direito de usar as ferramentas de luta:greves, manifestações, concentrações e outras  e sobretudo a acção directa sem intermediários para forçar o patrão ou o estado a ceder aos trabalhadores.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:57

http://ait-sp.blogspot.pt/2015/03/junta-e-camara-de-odivelas-nao-pagam.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+Ait-spOrganizaoAnarco-sindicalistaPortuguesa+(AIT-SP:+organiza%C3%A7%C3%A3o+anarco-sindicalista+portuguesa)

Cerca de 14 vigilantes patrulheiros de Odivelas, que ajudam nas entradas e saídas das crianças das escolas, estão constantemente com salários em atraso.
Apenas há uns dias a Junta de Freguesia de Odivelas, que recebe o dinheiro da Câmara Municipal, pagou o mês de Janeiro. Os trabalhadores continuam a aguardar o pagamento de Fevereiro e esta é uma situação de precariedade que se repete há muito tempo.
Será que os presidentes da Junta e da Câmara também têm de esperar dois e três meses pelos seus ordenados e ainda ter de insistir para que lhes paguem o dinheiro devido, como se de uma esmola se tratasse?!
Estas pessoas merecem respeito! Que não deixemos este tipo de ataques à nossa dignidade sem resposta!
Solidariedade!

Associação Internacional dos Trabalhadores
Secção Portuguesa - Núcleo de Lisboa


ait-sp.blogspot.com | ait.lisboa@gmail.com | facebook.com/aitsp.lisboa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:19

(Europa) O 1º mês do Syriza

por uon, em 20.03.15

https://colectivolibertarioevora.wordpress.com/2015/03/19/europa-o-1o-mes-do-syriza/


syriza-koumoundourou-8-3-2015

 

O Siryza beneficiou do descontentamento popular em relação austeridade e ganhou as eleições à direita.

O grande problema é que o Siryza não quer cortar com o passado só simbolicamente e ficar ligada á CEE/UE/EURO.

Para a Grécia ser independente em ralação a Europa do capital de fazer opções sair do euro, sair da CEE/UE, sair da nato fora disto é ficar de pés e mãos atadas sem poder fazer nada.

Se foi o euro e a má governação que causou esta situação o Siryra só tem de cortar o mal pela raiz.

O grande drama das esquerdas reformista/comunista/radical e ou "revolucionárias" é que não consegue cortar com o passado por que usa as mesmas armas da direita e do estado que é a repressão, politica económica-social, cultural  para fazer jus á sua politica.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:23

 [A dívida pública] está, de facto, ainda muito elevada(...).Mas hoje, quando olhamos para a dívida pública, está lá tudo e está também o conforto de saber que, para além disso, temos cofres cheios para poder dizer tranquilamente que se alguma coisa acontecer à nossa volta que perturbe o funcionamento do mercado, nós podemos estar tranquilamente durante um período prolongado sem precisar de ir ao mercado, satisfazendo todos os nossos compromissos", garantiu Maria Luís Albuquerque nas jornadas do meninos queques do PSD.

O governo conseguiu (queremos ver) encher os cofres à custa da desgraça alheia.

Quanto pobres, desempregados, trabalhadores lançaram na miséria e tiveram de fabricar para encher os cofres.

Quantos aumentos de impostos,  taxas etc. tiveram de fazer sobre os trabalhadores e reformados.

O mérito não é do governo mas da sua má politica que empreendeu sobre quem trabalha.

Governar é saber gerir o que há e não roubar aos pagadores do costume.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:45

Confrontos violentos em Frankfurt marcam inauguração da nova sede do BCE
reuters

A polícia usou arame farpado para manter os manifestantes à distância da nova sede do Banco Central Europeu, que custou 1,3 mil milhões de euros. Há mais de 350 detidos e dezenas de feridos.

Em tempo de crise gastar 1.3 mil milhões de euros para fazer a sede do BCE é uma fortuna que dava para matar a fome a muita gente, criar milhares de empregos, fazer vais escolas, centro de saúde e hospitais.

Depois vem pedir sacrificios para pagarmos a sede do BCE.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:08

Há razões para crer que Portugal vai terminar 2015 com uma taxa de crescimento muito próxima dos 2%, como prevê Cavaco Silva?

Não. Os políticos governantes sabem mentir quanto às percentagens.

Estamos próximos já em campanha eleitoral para as eleições para S. Bento é muito natural que a demagogia o eleitoralismo e as falsas promessas e expectativas subam de tom.

Quem nos diz a nós que não vem aí novo pacote de austeridade como a troika quer que as reformas austeritárias  e repressivas prossigam.

O governo está em campanha eleitoral desde que começou a governar.

Um governo mesmo sem mexer uma palha era difícil não recuperar a situação económica e social e é difícil fazer pior do que estava ou que está.

Há sempre um Portugal desconhecido que espera por você.

É esperar para ver que ainda vamos ter de penar muito.

O governo só não desce o desemprego por que não quer.

25 horas semanais de trabalho

Reforma aos 55 anos ou 40 de trabalho

Acabar com as horas extra.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:56

https://colectivolibertarioevora.wordpress.com/2015/03/15/brasil-contra-a-extrema-direita-e-necessario-reforcar-os-movimentos-sociais-autonomos/

braisl

Fascismo á solta no Brasil

Para alguns brasileiros não lhes chegou o fascismo durante X anos.

Querem mais. Não é que a democracia seja boa.

Nem fascismo nem democracia

Liberdade é sinónimo de anarquia e anarquia não é caos.

Revolução social!

brasil1

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:09

http://www.cnt.es/sites/default/files/cnt%20417_web(1).pdf

Capturar

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:56




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D