Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



PSD e CDS acusam Centeno de mentir ao parlamento sobre a CGD.
Se Centeno mentiu por deliberada ou por omissão não foi primeiro e não vai ser o último.
Mas o PSD e CDS e os seus donos fartaram-se de mentir durante quatro longos anos ao povo e aos trabalhadores, deixando os mesmos na miséria.
Passos teve o descaramento em dizer que não ia tirar o 13º mês, mas depois de estar no governo foi a primeira coisa que fez.
Os políticos são mestres na arte de mentir para conquistar o poder e acreditar neles faz de nós uns provincianos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:13

Reunião Aberta do Grupo “Iniciativa Libertária”

Sábado 18/02/17 -  15 horas

Centro de Estudos Libertários

Azinhaga da Alagueza, lote X, c/v esq, Olivais Velho, Lisboa

metro:Parque das Nações

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:40

JN diz  que quase metade da frota automóvel do Estado tem mais de 16 anos e mais de 200 mil quilómetros, sendo que 23% tem mesmo mais de 300 mil.

Isto são as marcas automóveis em disputa para o estado comprar mais umas frotas a nossa conta.

O estado farta-se de gastar dinheiro em frotas para a policia GNR, PJ, para os ministros, autarcas, etc.
Quanto dinheiro gasta o estado em carros para alimentar os caprichos destes senhores.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:25

Rede de correspondentes

por uon, em 13.02.17

Este blogue quer desenvolver uma rede de correspondentes sobre temas variados.

Se na tua localidade existirem lutas laborais, problemas ambientais etc e quiserem noticiar ou emitir uma opinião anarquista, económica,  social ou laboral escreve e manda para a-oficiovario@sapo.pt.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:52

Al Presidente del Consiglio Paolo Gentiloni, Palazzo Chigi - Roma fax 0667793543 - usg@mailbox.governo.it ---- Al Ministro del lavoro e Politiche sociali Giuliano Poletti, Via Vittorio Veneto, 56 - 00187 Roma fax 064821207 - segreteriaministro@pec.lavoro.gov.it ---- Al Ministro per la Semplificazione e la Pubblica Amministrazione Maria Anna Madia, C.so V.Emanuele II, 116 - Roma fax 0668997210 - dfp@mailbox.governo.it ---- Al Presidente della Commissione di garanzia ex Legge 146 Dott. Santoro Passarelli Piazza del Gesù n. 46, 00186 Roma Fax 0694539680 segreteria@pec.commissionegaranziasciopero.it ---- Oggetto: Proclamazione sciopero generale di tutto il lavoro dipendente pubblico e privato 8 marzo 2017 ----L'8 marzo è una giornata di lotta. Prende vita dagli scioperi delle operaie che dai primi del Novecento in tutto il mondo animarono le lotte per i loro diritti violati di persone e lavoratrici.

L'8 marzo è una giornata di festa perché la nostra lotta è una lotta animata dalla gioia ed essa stessa è festa, non la festa consumistica e antifemminile che ci vogliono propinare.

Nell'ambito dello SCIOPERO INTERNAZIONALE DELLE DONNE per il prossimo 8 marzo, la scrivente Unione Sindacale Italiana (in sigla USI-AIT) proclama lo sciopero generale di tutto il personale dipendente pubblico e privato per l'intera giornata dell'8 marzo 2017 contro la violenza maschile sulle donne.

Durante lo sciopero generale saranno garantiti i servizi minimi essenziali.

Le compagne e i compagni dell'USI AIT condividono le istanze a base della mobilitazione internazionale denominata NON UNA DI MENO.
Le compagne e i compagni dell'USI-AIT lottano e sciopereranno l'8 marzo per una società libera dagli stereotipi di genere e dalle discriminazioni e prevaricazioni - per razza, ruolo sociale e classe - indotte, prodotte e riprodotte dall'Ignoranza e dal Potere.

lunedì 06/02/2017, Modena, il segretario nazionale, Franco Bertoli
Per contatti: segreteria.nazionale@usi-ait.org
3890997583 Franco Bertoli segretario nazionale
3406055786 Angelo Mulè vice segretario nazionale

http://www.usi-ait.org/index.php/appuntamenti/75-nazionale/1323-8-marzo-sciopero-generale

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:37

russian-revolution-copy

Na continuação da divulgação de artigos e textos sobre a revolução russa, que agora comemora 100 anos, iniciamos a publicação deste texto de Daniel Guérin (Capitulo II do livro “l’anarchisme”) que destaca o impulso libertário que esteve na base da revolução dos sovietes, mas cedo esmagada e controlada pelo partido bolchevique. As greves e o controlo de fábricas pelos trabalhadores, a insurreição de Kronstadt, o amplo movimento de camponeses da Ucrânia e a luta levada a cabo por Makhno foram alguns dos momentos altos desse espírito libertário que atravessou a revolução russa. A tradução é da companheira VTS para o Portal Anarquista.

 

makhno_group

Makhno

https://colectivolibertarioevora.wordpress.com/2017/02/10/o-anarquismo-na-revolucao-russa-por-daniel-guerin/#more-20110

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:34

Faz falta uma alternativa sindical

por uon, em 08.02.17

A UGT quando foi fundada tinha como objectivo combater a unicidade sindical dos tempos de Vasco Gonçalves.
Mas a UGT não contribuiu para um novo sindicalismo de classe para combater a CGTP e as suas traições contra os trabalhadores, mas sim para um sindicalismo de apoio aos patrões como está escrito em cima e muito bem pelo P.G.
Agora temos duas centrais uma dá uma no cravo outra na ferradura (CGTP) e a UGT fortemente alinhado com os patrões (TSU).
Portanto os trabalhadores estão sozinhos e sem ninguém que os defenda.
Houve em tempos uma corrente da UDP (Corrente Sindical de Classe) que era uma alternativa no seio da CGTP, mas pelos os vistos ela faliu por que os sociais-democratas do BE não querem nada com a revolução.
Também no seio anarquista o anarco-sindicalismo está praticamente morto, mas podia ser uma corrente que fizesse frente ao reformismo caceteiro da CGTP e ao sindicalismo pró-patrão da UGT  que tarda em aparecer e é pena.

http://www.jornalmudardevida.net/?p=4496#comment-44720

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:26

Um estudo sobre indisciplina nas escolas de  Portugal indica que, no ano lectivo no 2015-2016, houve 11.127 participações disciplinares em apenas 5,4% da totalidade dos agrupamentos e escolas portugueses.

Se o governo e os professores não querem indisciplina nas escolas.

Querem tudo muito bem comportadinho e que os alunos sejam uns robôs que tem de pedir ao papa para falar e não podem falar com o colega do lado, então há soluções milagrosas e simples.

Se não querem indisciplina acabem com as escolas.

Abaixo a repressão nas escolas do estado e nas privadas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:40

O verdadeiro Portugal

por uon, em 07.02.17

Actualmente, 30% dos trabalhadores portugueses ganham até 600 euros, conclui-se do relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) sobre a economia portuguesa publicado na segunda-feira.

Este é o verdadeiro Portugal:30% ganham - de 600 euros.
Enquanto os patrões andam de porche, ferrari, bmw, mercedes, etc os trabalhadores ganham para não morrer de fome, trabalham longas horas, pagam passes caros.
Estamos perante uma verdadeira exploração laboral e estatal.

Mas a OCDE também contribui para este estado de coisas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:45

 O sequestro é a principal arma do ELN, que nos últimos anos raptou vários trabalhadores de multinacionais do setor mineiro e petrolífero, cujas infraestruturas têm sido alvo de atentados. É considerado um grupo terrorista pela União Europeia.

a ELN não sequestra trabalhadores.ataca é multinacionais que operam no país para roubar as riquezas da Colômbia com o apoio do governo e dos Estados Unidos.
Para a cee qualquer organização que lhe seja contraria é terrorista.
o DN devia ser mais rigoroso e não bater nos mais fracos por isso é que o jornalismo em Portugal está todo comprado pelos governos pelas multinacionais e está quase falido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:50




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D