Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LUTA ENTRE CLASSES

LUTA ENTRE CLASSES

ENTRAMOS NUMA NOVA VAGA DE DIRIGENTES AUTORITÁRIOS DE DIREITA

31.10.18, uon

NA FALTA DE MELHORES PERSPECTIVAS ECONÓMICAS E SOCIAIS O POVO PROCURA OUTRAS SOLUÇÕES QUE PORVENTURA SÃO MAIS DO MESMO. ACONTECEU ISSO NA ALEMANHA E NA ITÁLIA. AMBOS FORAM GOVERNADOS POR DITADORES SAÍDOS DE ELEIÇÕES DEMOCRÁTICAS QUE DERAM EM NAZI/FASCISMOS E GUERRAS MUNDIAIS. AGORA ESTÃO APARECER EM DIVERSOS PAÍSES NOVOS FASCISMOS DEMOCRÁTICOS DE MATRIZ AUTORITÁRIA QUE TEM COMO OBJECTIVO DAR NOVO FOLGO AOS CAPITALISMO MONOPOLISTA PRIVADO. DE VEZ EM QUANDO APARECEM ESTES FENÓMENOS.SALVADORES DAS PÁTRIAS. TRAMP/DUTERTE/ERDOGAN/SALVINI/BOLSONARO, ETC. PUTIN FAZ PARTE DO MESMO ROL DE SALVADORES, MAS COMO TEM OUTROS OBJECTIVOS PURAMENTE RUSSOS FICA DE FORA DOS OUTROS. OS EXPLORADOS DOS TRABALHADORES AINDA NÃO ENTENDERAM QUE TEM DE LUTAR PELA SUA LIBERDADE DIARIAMENTE E PELA REVOLUÇÃO SOCIAL DE MODO A FAZER UMA NOVA SOCIEDADE SE QUEREM TER UMA VIDA NOVA, BEM ESTAR SOCIAL E PROGRESSO COLECTIVO.

PSD/universidades:Quem quer estudar fora da sua área de residência, deve pagar.

31.10.18, uon

 PSD acusa o governo de não ter propostas no Orçamento do Estado para 2019 para responder ao "gravíssimo problema" da falta de alojamento universitário. Mas como é evidente quando esteve no governo também não resolveu o problema que saber resolver. Como é lógico é impossível resolver o problema.

Um estudante de Lisboa não pode ir estudar para o Porto ou o contrário. Deve ficar perto de casa para não ter de alugar casa ou quarto e pagar transporte. O problema está na organização das vagas nas diversas universidades. O governo também quer levar estudantes para o interior para povoar o mesmo mas não dá condições e ao mesmo tempo não é possível arranjar quartos/residências universitárias para todos, como é evidente. Também é duvidoso que a maioria dos estudantes queira ficar no interior depois do curso por razões recreativas que todos sabem.

Quem quer estudar fora da sua área de residência deve pagar. Um estudante não pode quer tudo estuda em beneficio pessoal só depois muito remotamente o povo usufrui do seu saber.

 

Bolsonaro vençe eleição no Brasil

29.10.18, uon

Vejamos se Bolsonaro tem tomates para fazer o que disse na campanha eleitoral. Geralmente para atingir o poder é preciso dizer baboseiras para o povo ir na conversa. A treta do costume do combate a corrupção. Depois a coisa muda de figura. Se Bolsonaro fizer o que disse na campanha enfrentará uma campanha interna ( partidos de esquerda/democráticos, etc) e internacional (CEE/UE/NATO) contra o seu governo que vai fragilizar o governo com sanções económicas. O Brasil pode ficar como a Venezuela que é boicotada por todos os lados com as consequência que todos sabemos. Os países democráticos vão tudo fazer para dar a virada. Perder um país para o fascismo é coisa que os países democraticos não toleram. O fascismo/democracia se vence com luta social do povo.

 

Manif policial na Assembleia

26.10.18, uon

Se fossem manifestantes civis a fazer os que os policias fizeram ontem na escadaria da Assembleia havia mortos e feridos e os nossos políticos até apoiavam a actuação dos especiais da PSP como se nada fosse. Tem graça que nenhum partido veio condenar a actuação dos agentes policiais. Não foi mais que um treino em que estava tudo combinado na estreia das grades anti-manif que afinal são bastante vulneráveis.Aconselha-se a comprar novas grades.

Democratas sensatos perante o fascismo

25.10.18, uon

O título do post é sugestivo. Quando o Bolsonaro levou a facada o "nosso governo" tuga mandou logo uma mensagem ao mesmo a condenar o atentado.Ora isto, é sensatez pelo fascismo e apoio. Bolsonaro pelas suas palavras é um fascista musculado típico da América Latina igual a Pinochet e a outros ditadores que governaram o Uruguai, Paraguai, Argentina, Brasil, etc. Isto só quer dizer que os democratas sempre foram coniventes com os ditadores e até se passam com armas e bagagens para o lado dos fascistas sem qualquer problema ou passam de fascistas a democratas da mesma maneira porque o respeito pelo fascismo ou pela democracia é muito bonito. O que interessa é estar sempre do lado do poder.

http://www.jornalmudardevida.net/?p=5044#comments

A greve no Estado amanhã

25.10.18, uon

Qual a diferença entre um ditador de Direita e um de Esquerda

24.10.18, uon
A imagem pode conter: 4 pessoas, texto

 

Ditadores de esquerda e de direita sempre os houve. Mao, Staline, Lenine, Fidel etc. Mas as pessoas escolhem sempre um ditador de direita para ser o seu amo. Hitler foi escolhido em eleições.Outros há que fizeram guerras Franco/Pinochet,etc ou golpes para tomarem o poder.Agora vamos ter o ditador Bolsonaro no Brasil.Deve haver uma razão objectiva para as pessoas escolherem um ditador de direita e não um de esquerda.Qual é a diferença entre um ditador de Direita e um de esquerda. Não são ambos ditadores.O que é que um dá e outro não. Os ditadores de esquerda nacionalizam "tudo" e mais alguma coisa. O ditador de Direita deixa estar tudo como está, embora seja potencialmente um nacionalista. Ambos reprimem o povo pela esquerda e pela direita e com as mesmas armas das policias...Em tão que ficamos.

Homens fogem do tribunal do Porto nas barbas da policia.

23.10.18, uon

Homens fogem do tribunal do Porto nas barbas da policia. Isto só pode ter sido de propósito devido a falta de assunto que os políticos e samurais tem tido nos últimos tempos. A detenção dos mesmos logo no domingo até deu animo aos agentes. Parece que estava tudo combinado e depois tiveram assunto para a semana inteira com fotografia e tudo. Por cima publicaram fotos de supostas agressões que não aconteceram. A "nossa" policia precisava ser toda reformada do Minho ao Algarve e que os comanda também e por aí fora até chegar ao governo. Tem graça que agora o Marcelo neste caso não diz que deve ser tudo investigado "doa a quem doer" como está farto dizer no caso de Tancos.Dizer "doa a quem doer" da parte dum presidente eleito pelo o povo mais parece um apelo à vingança. Também temos cá bolsonaros.

Reformas:40/60 anos de trabalho para todos os trabalhadores europeus e do mundo

22.10.18, uon

Como é evidente isto é uma amostra do que se passa em diversos países em matéria de anos em se podem reformar os trabalhadores dos diversos países. Nos países da CEE/UE só devia haver até quanto anos se podem reformar os trabalhadores. Enquanto nuns é menos para outros é mais. O Parlamento Europeu (PE) devia de aprovar uma norma geral para todos os países como por exemplo 40/60 anos. Quanto mais anos os trabalhadores se reformarem menos hipóteses tem os jovens de começar a trabalhar. Não faz sentido cada país determinar quantos anos deve trabalhar quando fazem parte 28 países países na mesma organização e o mesmo fim. Será os senhores do PE ainda não viram isso.

Pág. 1/4