Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O candidato do PS ao Parlamento Europeu disse que " os portugueses devem dar maioria absoluta ao PS para fazer as reformas que o país carece".

O PS teve todo o tempo do mundo para tomar as medidas que o país carecia, teve nada mais que 4 longos anos de governação para mostrar o que valia.

Ao longo destes 4 anos os anos os portugueses tiveram oportunidade para avaliar o governo e só revela que as reformas no trabalho, na saúde na educação. professores e na justiça não diminuiriam os problemas como só agravaram os problemas que já existiam.

A avaliar pelas lutas dos sindicatos reformistas dos trabalhadores portugueses durante 4 anos que foram mais que muitas e os trabalhadores perderam as mesmas e muito natural que o governo queira intensificar a exploração dos mesmos, já que os sindicatos são fracos e estão feitos com o governo.

Primeiro houve o problema do défice que os trabalhadores portugueses tiveram de se privar de montes de coisas por causa do défice que o governo queria diminuir e não havia dinheiro para nada.

De repente por causa da "crise" não só há dinheiro para tudo, designadamente para as obras públicas:TGV, novo aeroporto, Auto-Estradas, 125 , etc. como também houve dinheiro para o BPP para o BPN e todos os bancos se financiarem.

É no mínimo esquisito onde o governo foi buscar o dinheiro para estas obras todas.

Será que o governo tem algum "saco azul" onde se vai financiar sem que os trabalhadores saibam.

Cabe perguntar aos Senhor Vital Moreira o que é que precisa ser feito que já foi feito por este governo?

Será que quer uma politica de fechos em escolas e hospitais e um novo Código do Trabalho em cima deste que não entrou em vigor, uma nova avaliação e carreiras da função pública e professores, retirar mais direitos a estes trabalhadores e aos do privado.

Este governo além de estar desnorteado é um deserto de ideias e não merece nem maioria relativa, quanto mais maioria absoluta.

Votar numa numa nova maioria absoluta ou relativa é estar a cavar a própria sepultura onde nos iremos deitar.

É injusto por causa d`uns pagarmos todos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:29




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D