Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Política de terra queimada

20.06.07, uon
A política de terra queimada das anteriores gestões camarárias levou à falência técno-financeira da Câmara de Lisboa. Agora nestas eleições os partidos concorrentes degladia-se entre si para conquistar o voto popular, e obter a presidência da Câmara para obter pivilégios partidários em negócios na autarquia. A Câmara chegou ao ponto de ruptura, porque as sucessivas composições camarárias praticaram uma política de gastos, que endividaram a Câmara, e negociatas com empresas e empreiteiros, grandes financiadores dos partidos representados . As sucessivas vereações não se coibiram de assessorarem-se de castas partidárias ávidas de tachos pagos a peso de ouro. Agora os partidos vão fazer vingar a terra queimada que deixaram na Câmara. É de prever novas taxas e impostos municipais, venda de imoveis ao desbarato aos privados, privatização de serviços rentáveis como a recolha de lixo, manutenção mecânica, jardins, etc e quem vai pagar a factura serão contribuintes. E nós os eleitores temos grandes responsabilidades nisso, ou continuamos na pasmaceira do costume ou mudamos, e mudar significa guardar o voto...