Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LUTA ENTRE CLASSES

LUTA ENTRE CLASSES

16 mil com salários em atraso

27.05.11, uon

16 mil e 92 trabalhadores tinham salários em atraso, em 2010, no valor de 28,4 milhões de euros.

Segundo dados da Autoridade para as Condições do Trabalho (ATC), este número representa mais 3800 trabalhadores do que em 2009.

Os sectores afectados são o comércio, industria hoteleira e construção.

Os trabalhadores são grandes as vitimas desta situação.

Os patrões aproveita-se da crise para não pagar, mesmo que não estejam em dificuldades financeiras.

As entidades de fiscalização do Estado também são parte do problema por que não actuam e a impunidade acentua-se e também os sindicatos estão de pés e mãos atadas.

Os trabalhadores estão sozinhos nesta selva.