Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

O 18 de Janeiro e hoje

18.01.08, uon

Passam hoje 74 anos do 18 de Janeiro de 1934, data de uma tentativa de insurreição operária e popular contra o regime de Salazar.

Em 1934, Salazar encontrava-se no começo da repressão sindical e social ao povo português.

A Confederação Geral do Trabalho CGT ) sindicalista revolucionária anarco-sindicalista juntamente com a Comissão Intersindical CIS ) formado por sindicalistas ligados ao PCP, tentam golpear o regime de Salazar com uma greve geral insurreccional .

A pouca experiência insurreccional e militar dos sindicalistas revolucionários lograram perder esta tentativa de apear Salazar do poder.

Os operários eram essencialmente de ofícios vários, vidreiros, ferroviários. etc pessoas com muita experiencia de luta sindicalista, mas não tinham armas que pudessem fazer frente ao regime de Salazar fortemente armado e com um exército e a GNR bem organizados.

A greve revolucionária teve lugar em Lisboa, na Margem Sul, (designadamente Almada), Barreiro, Silves, Marinha Grande e Porto entre outras localidades.

O seu auge foi a ocupação do posto da GNR da Marinha Grande e a ocupação da vila durante várias horas.

Salazar fez deslocar um forte contingente de forças do exército e da GNR e os operários renderam-se e foram presos  e alguns deportados para o Tarrafal entre Mário Castelhano e também alguns militantes comunistas.

Era dificil como impossível haver uma reviravolta e Salazar cair e voltar a um regime semi-democrático que existia antes de 28 de Maio de 1926.

Tal como hoje é dificil haver uma reviravolta no regime semi-fascizante chefiados por democratas encopatados , mas os revolucionários mais conscientes podem unir-se para poder organizar um novo movimento para fazer frente à exploração laboral nas empresas e reforçar a luta social conta o capital, organizando-se em secções laborais,  sociais e movimentos contra a fascização do regime democrático.