Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Caras e caros trabalhadores da Câmara Municipal de Lisboa

Foi hoje publicada em Diário da República (https://dre.pt/application/file/67271427) a nova estrutura orgânica dos serviços municipais, que entra em vigor no próximo dia 5 de junho.

Para que os serviços continuem a funcionar com toda a normalidade, nesse mesmo dia será igualmente publicada a lista de afetação dos trabalhadores às várias unidades orgânicas municipais e serão nomeados os respetivos dirigentes.

Este é um processo simples, pois os trabalhadores permanecerão nas unidades orgânicas nas quais se encontrem ou transitarão entre unidades orgânicas em função das competências organizacionais às quais estejam associados. Apenas em situações em que seja necessário equilibrar a distribuição de trabalhadores em determinadas funções entre os serviços este princípio será excecionado.

Mas este é também um processo participado, pois embora seja conduzido pela Direção Municipal de Recursos Humanos, conta com a colaboração de todas as unidades orgânicas, que clarificarão as funções que cada trabalhador desempenha, para que cada pessoa possa ser afeta à unidade orgânica correta.

O processo de elaboração da lista está em curso e será validado pelo executivo antes da publicação do despacho do senhor presidente que definirá a afetação de cada trabalhador.

É, assim, tempo de vos dar uma palavra de tranquilidade e de reiterar a mensagem já transmitida pelo senhor presidente: todos os postos de trabalho estão salvaguardados e nenhum trabalhador verá alterado o seu vínculo contratual, decorrendo a afetação dos trabalhadores com total garantia dos seus direitos.

Recordo que a Direção Municipal de Recursos Humanos está disponível para esclarecer as vossas dúvidas através dos contactos: rh.atendimento@cm-lisboa e 21 798 82 05.

Certo que juntos garantiremos um cada vez melhor serviço à cidade, envio a todos um abraço.

O Vereador dos Recursos Humanos

João Paulo Saraiva

Para mais informações contactE

DMRH | Departamento de Gestão de Recursos Humanos

21 798 82 05

rh.atendimento@cm-lisboa.pt

 

Esperemos que assim seja, já nos basta termos um governo que desgoverna e desrepeita os direitos dos trabalhadores.

Mas isto em politica é tudo muito relativo o que é hoje verdade amanhã pode ser mentira.

Trabalhador vigilante vale por dois.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:40




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D