Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Catalunha:futebol e independência

31.07.14, uon

 

 

O presidente da Liga espanhola de futebol, Javier Tebas, diz que, se a Catalunha vier a declarar a independência, o FC Barcelona não vai poder disputar a prova.

O futebol como forma mafiosa de alienação nacionalista provoca nos clubistas uma reacção em cadeia e até guerras fraticidas.

Mas que felicidade é que catalães tem que o barcelona dispute a liga espanhola ou catalâ.

O futebol só dá felicidade aos que andam lá a correr, ou os que o dirigem por que correm por dinheiro.

Fora disso os catalães se não querem estar no país Espanha, tem todo o direito e é razoável que assim seja.

Mas os centralistas de Madrid não querem abrir mão do seu poder arbitrário e ditatorial.

É como os ucranianos de Kiev não querem abrir mão á região de Donests para uma república independente ligada ou não a Rússia e por isso usam do poder do estado para obrigar os separatistas a estar onde não querem.

A Catalunha como região industrial também não quer contribuir para as outras regiões que são menos desenvolvidas.

É tudo uma questão de nacionalismo económico e social que está muito em voga nos tempos que correm.

Um país como a Catalunha no âmbito do seu nacionalismo vai projectar um Estado como meios repressivos e militaristas e tudo vai ter o mesmo fim.

Os catalães estando no estado espanhol ou num estado próprio é tudo uma ilusão.

A luta por uma região ibérica, com as suas especificidades  culturas e solidariedade é a que é a mais realista para uma bom relacionamento entre os povos ibéricos.

É esta situação que os anarquistas de toda a região espanhola e portuguesa se batem á bastantes anos como forma colectiva e autogestionada como forma de organização social.