Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

LIBERDADE E BEM ESTAR

LIBERDADE E BEM ESTAR

Santa casa com má gestão?

05.08.14, uon

Pareceres da Misericórdia de Lisboa que a instituição nunca tinha divulgado mostram preocupação com a evolução dos resultados e com a dimensão do recurso aos ajustes directos com consulta a um único fornecedor.

Em matéria de pessoal, refere-se que no último ano os efectivos passaram de 4832 para 4988 (mais 3,2%). Este aumento de 156 trabalhadores é justificado sobretudo com a abertura de um novo piso na Unidade de Saúde Maria José Nogueira Pinto (mais 28 efectivos) e com o reforço do pessoal na área do apoio social (mais 36). No entanto, o relatório mostra que o maior aumento se verificou no Departamento de Gestão Imobiliário, onde o número de funcionários mais do que triplicou com a entrada de 65 pessoas (passou de 32 para 97). Também no Departamento de Jogos, os efectivos registaram um aumento de 23, de 278 para 301. Sublinhado pelos auditores é também o facto de entre os novos contratados estarem 52 técnicos superiores e 43 dirigentes.

Claro os ajustes directos a um só fornecedor, o mesmo pode fazer o preço que quer e claro está que a má gestão está implanta-se na Misericódia de Lisboa.

Acresce o facto da nomeação de funcionários 52 técnicos superiores e 43 dirigentes que não vão ganhar 400 euros, mas para cima de 1500 euros.

Nomeia-se o Santana Lopes para gerir o deserto do Sahara, e é certo que mais tarde ou mais cedo haverá falta de areia.FS

Com Santana só podia ser assim...! qualquer dia temos uma "Nova Santana Casa", boa claro, porque a má vai continuar a chamar-se "Santa Casa"...Diogenes

Qualquer dia o euromilhões sai-nos furado e temos um novo Bes.

 

http://www.publico.pt/local/noticia/futuro-da-misericordia-de-lisboa-pode-estar-em-causa-dizem-auditores-1665391